Glossário da Indústria Gráfica

Muitos termos específicos são usados no setor gráfico, indicando uma infinidade de características e ações referentes ao universo dos serviços de impressão e gráfica em geral. Alguns destes termos possuem diferentes acepções fora do contexto gráfico, ou ainda, estão no idioma inglês.

Para facilitar a compreensão, compilamos vários desses termos para te ajudar a entender um pouco mais sobre esse universo e para servir de consulta sempre que você precisar.

Acabamento

No universo gráfico, acabamento significa a finalização da produção do material gráfico. Fase final da produção física de um trabalho, normalmente cortes, refiles, laminações, dobras, aplicação de grampos etc.

Apara

Sobra de papel que deve ser cortado por guilhotina pois excedeu a linha de corte.

Aplicação

Inserção de figuras/imagens durante a montagem de uma página impressa.

Arte

Todo arquivo original criado para a impressão.

Arte final

Versão final da arte pronta para ser enviada para a gráfica, que, por sua vez, fará a impressão. Qualquer trabalho (desenho, foto, ilustração, etc.) pronto para reprodução.

Artes gráficas

É o nome que se dá a reunião dos passos e processos estabelecidos para a impressão e reprodução de imagens, textos, livros, e produtos gráficos em geral. Este termo abarca desde a criação da arte, passando pelos processos de pré-impressão, impressão e acabamento final.

Bitmap

Formato específico de arquivos de imagens. Significa mapa de bits, com descrições em cada pixel. Podemos, portanto, definir Bitmap como um conjunto de pixels.

Bleed (Sangra)

O mesmo que sangria ou sangra (bleed em inglês). É uma “sobra” ao redor da imagem impressa, normalmente de 2 a 3 mm que será descartada após o corte final.  Sua finalidade é evitar possíveis filetes brancos no impresso após o corte, quando o fundo possui uma cor sólida.

 

 

Boneco

Maquete de um produto. Pode ser em escala normal, ampliada ou reduzida. Serve como orientação e referência para que a gráfica produza o material, eliminando as possíveis dúvidas de montagem, acabamento, etc. Seria uma espécie de “primeiro exemplar” da tiragem a ser impressa.

Capa Dura

Tipo de encadernação, onde a capa a contracapa são confeccionadas com um material rígido revestido com impressão. As mais comuns são as capas de livros, monografias, etc.

Capa

Frente de um livro ou encadernação. Capa externa frontal.

Chapado

Quando se usa na impressão, 100% de determinada cor. Na impressão, refere-se a áreas que são completamente cobertas com uma ou mais cores sólidas.

Cmyk

Sigla para o sistema de cores que envolve o Cyan, Magenta, Yellow, Black (Azul, Rosa, Amarelo e Preto), que são as cores primárias usadas na impressão. Juntas elas podem reproduzir uma gama extensiva de cores.

Contra-Capa

Verso de um livro ou encadernação. Capa externa traseira.

Copyright

Termo em inglês que significa direitos de reprodução. A quem pertence os direitos sobre a obra ou qualquer arquivo gráfico. Só podem ser copiados com autorização do autor.

Corte e Vinco

Acabamento feito em um equipamento de corte e vinco, através de facas físicas com lâminas afiadas nas partes onde o corte será executado, deixando sem afiar as partes responsáveis apenas em dobrar/vincar o produto. As facas são matrizes que quando colocadas no equipamento de corte e vinco são prensadas sobre o papel para assim executar o refile do material gráfico corretamente.

CTP

Computer to Plate, uma técnica de impressão que não utiliza fotolito, com a aplicação da arte/imagem de forma direta na chapa utilizada para a impressão.

 

Sem comentários no momento

Deixe seu comentário